João Pessoa, 14 de December de 2017
Esportes
06/08/2017 as 06:10min - PB Agora
Paraibana está confiante em pódio no Mundial

 O Campeonato Mundial de Atletismo teve sua abertura na última sexta-feira, em Londres, na Inglaterra e prossegue até o próximo domingo, dia 13, reunindo os principais atletas do planeta, dentre eles, o jamaicano Usain Bolt, recordista mundial dos 100m rasos, que está se despedindo das pistas.

A competição, apesar de atrair os holofotes do mundo inteiro, tem um sabor especial para todos os paraibanos, já que entre tantos participantes, uma pessoense pode entrar para a história do evento esportivo na prova do Lançamento do Disco. Trata-se de Andressa Morais de Oliveira, 26 anos, que nasceu e viveu toda a sua infância no Conjunto Valentina Figueirêdo, na capital. Com exclusividade para o jornal A União, direto de Londres, na Inglaterra, onde está há mais de uma semana treinando, já que vai competir na próxima sexta-feira, dia 11, à 6h10, Andressa Morais disse ter “batido na trave” várias vezes e que na competição deste ano, as chances são muito boas de trazer uma medalha para o Brasil e, em especial, para todos os paraibanos. “Sou atualmente a número 8 do ranking mundial. Na minha frente tem sete atletas reconhecidíssimas, mas, tudo isso é treinamento. Tenho intensificado os treinos, que, por sinal, estão ótimos. Tenho uma boa preparação com o meu treinador Julian Silva, cubano, e acredito que terei boas chances de um lugar no pódio”, afirmou a atleta, logo após mais um treinamento no Estádio Olímpico Rainha Elizabeth, na capital britânica, o mesmo que foi o palco dos Jogos Olímpicos de 2012.

Atleta do Clube Pinheiros, de São Paulo, Andressa Morais fez o melhor índice de sua carreira como atleta no Campeonato Sul-Americano, que ocorreu este ano, em Assunção, no Paraguai. A marca de 64,68m não só lhe garantiu no Campeonato Mundial de Londres, como também foi recorde brasileiro e sul-americano. “Tenho treinado muito forte para aumentar meu índice. Uma marca espetacular, porém, tenho que melhorar. No Mundial tudo pode acontecer e vou brigar por uma medalha”, afirmou a paraibana em conversa via facebook. Andressa Morais começou no Atletismo incentivada pela mãe, Djanete Oliveira, que fazia arremesso do peso e participava de competições na Paraíba.

Redação

Compartilhe