João Pessoa, 14 de December de 2017
Esportes
10/10/2017 as 21:09min - PB Agora
Portugal garante vaga na Copa

 Portugal só tinha uma opção para garantir vaga direta na Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Tinha que vencer a Suíça nesta terça-feira, em Lisboa, para terminar na liderança do Grupo B das eliminatórias da Europa. Mesmo com Cristiano Ronaldo distante dos seus melhores dias, o time comandado por Fernando Santos venceu por 2 a 0 e fez a festa de 65 mil pessoas no Estádio da Luz, e de milhares de portugueses espalhados pelo planeta. Os gols da partida foram marcados por Djourou, contra, e André Silva. Para os suíços, a missão agora é disputar a repescagem.

 

PRESSÃO E GOL CONTRA


Portugal começou a partida com tudo em Lisboa. Pressão na saída de bola da Suíça, jogadas pelas laterais, bola na aérea e chutes ao gol. A proposta da Suíça era muito clara: segurar o empate e garantir vaga na Copa do Mundo. A casa do time suíço começou a cair quando Eliseu fez boa jogada pela esquerda, cruzou, Sommer se atrapalhou ao sair do gol, e Djourou marcou contra no fim do primeiro tempo. Era o que o time de Cristiano Ronaldo precisava para jogar com tranquilidade e inteligência no segundo tempo.


VAGA NA COPA E FESTA EM LISBOA


Com a vantagem no placar, Portugal controlou o jogo durante todo o segundo tempo. A Suíça não teve forças para a reação, não ofereceu perigo para Rui Patrício e jogou mais na base do abafa, com pouca organização no ataque. O técnico Vladimir Petkovic até tentou mudar o panorama com algumas substituições, mas não arrumou nada. Os portugueses foram tocando a bola, as chances foram aparecendo, e André Silva marcou após assistência de Bernardo Silva o gol que carimbou o passaporte do atual campeão da Euro para a Rússia.

 

CRISTIANO RONALDO


Cristiano Ronaldo entrou em campo com a missão de levar Portugal para a Rússia em 2018. Principal nome do futebol do país, ele teve um desempenho apenas regular. Tentou abrir espaços pelos lados do campo, foi marcado de perto pelos suíços, e viu Bernardo Silva e André Silva como destaques da partida desta terça-feira. CR7 teve duas boas chances de marcar: em um chute de fora da área, e quando recebeu livre, tentou passar pelo goleiro Sommer, mas perdeu a bola. Também não conseguiu alcançar o polonês Lewandowski, maior artilheiro da história das eliminatórias europeias com 16 gols. O craque do Real Madrid soma 15 gols.

 

TORCEDORA ILUSTRE


Entre os milhares de torcedores que foram ao Estádio da Luz, uma chamou a atenção. A cantora Madonna esteve em um dos camarotes e não escondeu sua torcida pela equipe de Cristiano Ronaldo. Bateu palmas, comemorou os gols e vibrou com o apito final. De acordo com a imprensa portuguesa, Madonna busca uma casa em Lisboa.

 

Globo Esporte

Compartilhe