João Pessoa, 12 de December de 2017
Policial
19/05/2017 as 09:43min - PB Agora
Presos suspeitos de crimes em Lagoa Seca

Polícia prende três homens suspeitos de invadir casa e ameaçar família em Lagoa Seca



Uma operação policial foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (18) por policiais civis e militares que atuam na cidade de Lagoa Seca, na região metropolitana da cidade de Campina Grande. Três homens foram presos durante a ação, que teve como objetivo combater os crimes violentos patrimoniais praticados na zona rural do município.


O trabalho policial foi motivado pela investigação de um crime registrado às 2h da manhã desta quinta-feira. De acordo com as vítimas que procuraram a polícia, três homens armados e encapuzados invadiram a casa delas, localizada no Sítio Conceição, na zona rural de Lagoa Seca. Elas informaram que os bandidos renderam toda a família e roubaram aparelhos de TV, celulares, notebook, roupas e um veículo Chevrolet Prisma.


A polícia realizou várias diligências na área e, após identificar os acusados, conseguiu localizá-los e dar voz de prisão a todos os envolvidos na ação criminosa. Foram presos Pablo Victor Maciel Rocha, 21 anos, Naaman Alexandre da Silva, 19 anos, e Gleydston Alexandre da Silva, 22 anos. Os policiais conseguiram recuperar grande parte dos objetos roubados na madrugada, também foram apreendidas as armas de fogos usadas pelo trio para ameaçar as vítimas.


O que chamou a atenção da família que teve a casa invadida pelo trio foi que os suspeitos moram na mesma localidade que eles, no Sítio Conceição, em Lagoa Seca. Os levantamentos policiais mostram que os três homens têm as mesmas características dos suspeitos denunciados por várias vítimas de assaltos na região de Lagoa Seca. Estas pessoas, ao relatarem as abordagens dos criminosos, declararam que eles agiram com violência e ameaças.


Os suspeitos foram encaminhados para a Delegacia de Lagoa Seca e ouvidos pelo delegado Cícero Pereira e autuados por roubo qualificado. Agora, Pablo Victor, Naaman Alexandre e Gleydston vão aguardar recolhidos na carceragem pela apresentação ao juiz na audiência de custódia.

 


Redação

Compartilhe