O presidente Jair Bolsonaro (PSL) teve a pior avaliação para um presidente eleito, em primeiro semestre de mandato, dos últimos tempos. A constatação é da pesquisa Datafolha, divulgada neste domingo (07).

Pelo menos 30% dos entrevistados avaliaram a gestão dele ruim ou péssima. Os que consideram ótimo ou bom alcança 32% e regular 33%.  

O resultado vem um dia após o presidente se desculpar pelas caneladas que vem dando e admitir que não nasceu para ser presidente, e sim um militar.

No mesmo período de gestão, Fernando Collor era reprovado por 19%, Fernando Henrique Cardoso (PSDB) somava 16% de índices ruim ou péssimo, Luiz Inácio Lula da Silva 10% e Dilma Rousseff 7%. A comparação com a série histórica não considera os primeiros trimestres de presidentes reeleitos.

A pesquisa, no entanto, mostra que 59% ainda acreditam que ele fará uma gestão ótima ou boa.

Na próxima quarta-feira Bolsonaro completa 100 dias à frente da Presidência da República com avaliações negativas também na classe política. Na Paraíba, por exemplo, a deputada estadual mais votada, Cida Ramos, do PSB, considera esse primeiro trimestre de Bolsonaro como desastroso.

 

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Bolsonaro diz que governo não vai criar novos impostos

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (19) que o governo não vai criar novos impostos e destacou que Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) não será recriada. Ele deu a…

“Passar fome no Brasil é uma grande mentira”, afirma Bolsonaro

Em café da manhã com jornalistas estrangeiros, na manhã desta sexta-feira (19/072019), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que não há fome no Brasil. “Não se vê gente, mesmo pobre,…