Rio – A mulher que acusa Neymar de estupro teria feito exame seis dias após ter supostamente encontrado com o jogador. De acordo com o portal "UOL", o laudo médico aponta hematomas, problemas gástricos, perda de peso e sintomas de stress pós-traumático. 

O laudo ainda relata quadro de "dor, perda de peso, ansiedade e problemas gástricos pós-episódio de estresse emocional e hematomas provenientes de agressões na região das nádegas e pernas". A mulher se queixou de tremor nos locais das supostas agressões.

Dentre as hipóteses de diagnóstico, estariam  transtorno misto ansioso e depressivo, síndrome dispética – um conjunto de sintomas gástricos e traumatismos superficiais múltiplos. O laudo teria sido feito em um renomado hospital de São Paulo.

Nesta segunda-feira, o atacante foi intimado a depor pela Polícia, que foi até a Granja Comary. O jogador também está sendo investigado por divulgar imagens íntimas da mulher e a conversa dos dois nas redes sociais. 

 

O DIA

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Turma do STF retira de pauta pedido de suspeição de Moro

A presidente da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, retirou de pauta nesta segunda-feira (24) um pedido de liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.…

Governo quer conceder 16 mil km de rodovias à iniciativa privada

O governo federal pretende transferir 16 mil quilômetros (km) de rodovias para a iniciativa privada por meio de concessões, disse hoje (24) o ministro da infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.…