A Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência (Funad) vai realizar a festa de São João, na próxima quinta-feira (13), no pátio da Instituição. O evento começa às 8h e se tornou um dos mais importantes do calendário da Funad. Promete reunir, além dos usuários, servidores, familiares e convidados, que vão contar com uma vasta programação cultural, danças folclóricas, lanche típico e muito forró.
 
O Arraial da Funad será aberto pela presidente da instituição, Simone Jordão, e terá apresentações da Escola Ana Paula, que funciona dentro da Funad. A ideia da festa é resgatar a cultura popular e criar um clima de confraternização, onde os usuários podem participar de toda a programação. Todas as coordenações estão envolvidas nos preparativos. Além das apresentações, os festejos serão animados por um trio de forró, que promete fazer muita gente arrastar o pé.
 
Segundo Simone Jordão, esse festejo é muito importante porque possibilita uma integração entre os usuários, famílias e servidores, tornando acessível essa manifestação popular tão importante para o nosso estado. “Nossa festa junina e o Projeto Quadrilha sobre Rodas mostram que é possível que a pessoa com deficiência participe ativamente da sociedade, não apenas com reabilitação, mas efetivamente, seja no mercado de trabalho, educação, esporte e manifestações culturais e o Governo da Paraíba faz questão de apoiar essas iniciativas”, disse Simone Jordão.

Quadrilha sobre Cadeiras de Rodas – O projeto Quadrilhando sobre Rodas vai chamar a atenção do público que comparecer à festa junina da Funad. Ele surgiu para fortalecer a inclusão através da arte, no contexto da cultura popular junina. Pretende mostrar a inclusão entre cadeirantes, deficientes intelectuais e todos os profissionais da Funad. O projeto desenvolvido através do Núcleo de Vivência e Artes e conduzido por Ricardo Félix envolve 20 pessoas.
 
A Quadrilha Junina Sobre Rodas participou, na última sexta-feira (7), da abertura do São João de Campina Grande e ainda vai se apresentar no São João de João Pessoa. O figurino é um espetáculo à parte e todo o processo de criação e produção envolve os usuários e mães, que aguardam, com ansiedade, a apresentação.

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário