Cizinato Diniz, pai de Gabriel Diniz, contou que não tem intenção de dar continuidade à construção da mansão que o filho estava fazendo na praia de Intermares, em Cabedelo, na Paraíba. O cantor morreu no dia 27 de maio em um acidente aéreo.

“Alguns sonhos eram dele, a gente não tem intenção de terminar a casa. A gente está conversando com o construtor, que é um amigo, pra parar. A gente pensa em talvez terminar pra vender, mas eu não queria fazer pra vender o sonho dele”, explica ele.

A casa, que foi projetada pelo arquiteto Geisel Soares, estava sendo construída há um ano. O cantor havia comprado dois terrenos em um condomínio fechado para fazer uma casa de 120 metros quadrados, três andares, estúdio, uma sala de cinema, hall, espaço gourmet e garagem para quatro veículos.

No domingo (2), a família se reuniu na Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves, na Praça Dom Ulrico, no Centro de João Pessoa (PB), para celebrar a missa de sétimo;

“Acho que a ficha nunca cai. Como ele vivia um pouco fora, a gente tem aquele sentimento de que ele está fazendo show, está viajando. O que frustra um pouco é quando a gente vê as homenagens que estão sendo feitas para ele, que temos a certeza de que ele não voltará mais”, declarou Cizinato.

 

Fonte: QuemAcontece

 

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Assembleia entrega nesta terça Comenda Talento Esportivo à Unifacisa

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realizará, sessão solene, nesta terça-feira (18), para entregar a Comenda Talento Esportivo Desportiva Genival Leal de Menezes à equipe de Basquete da Unifacisa, de…

Setenta e nove famílias continuam desabrigadas em decorrência dos danos da chuva em João Pessoa

De acordo com informações da Defesa Civil de João Pessoa, cerca de 79 famílias continuam desabrigadas sendo assistidas temporariamente em ginásios da Capital. Essas pessoas tiveram que ser retiradas de…