João Pessoa, 20 de Fevereiro de 2018
Policial
16/05/2017 as 07:43min - PB Agora
PROCURA-SE: PC divulga fotos de foragidos da Operação Gabarito

Um funcionário do Detran e um agente da Polícia Rodoviária Federal estão sendo procurados pela Polícia Civil da Paraíba por envolvimento com a quadrilha que fraudou pelo menos 70 concursos em vários estados brasileiros e já movimentou aproximadamente R$ 21 milhões.

As informações foram passadas em uma entrevista coletiva realizada na manhã de ontem, segunda-feira (15), na Central de Polícia, em João Pessoa. Estiveram presentes na entrevista, os delegados Marcos Paulo, Vanderleia Gadi e Lucas Sá.


Erideywyd Henrique Omena Ferreira da Silva é funcionário do Detran e responde por tráfico e homicídios em Alagoas. Tem uma construtora usada pra lavar dinheiro. A polícia quer identificar imóveis em nome dele, sequestrar e leiloá-los.

Já Marcos Vinícius Pimentel dos Santos, é agente da PRF e também é um dos líderes da quadrilha. Segundo a polícia, ele lucrava 25% dos valores arrecadados. Além de fazer parte do bando, ele conseguiu aprovar a filha, Mayara Rafaelle, no vestibular de medicina. A jovem foi ouvida e informou que recebeu o ponto eletrônico do pai.

A Polícia pede que quem tiver informações sobre o paradeiro da dupla ligue para o disque denúncia, que pode ser de forma anônima, com a preservação da identidade do denunciante.

Segundo as investigações, mais de 600 "clientes" conseguiram ingressar no serviço público graças ao esquema. Em pelos menos seis certames todos os aprovados dentro das vagas pertenciam a quadrilha.

 


Redação

Compartilhe