Uma flor. Apenas uma flor teria sido o motivo de uma suposta agressão a uma jovem no bairro de Gramame, Zona Sul de João Pessoa, nesta terça-feira (4). Uma mulher diz ter sido agredida por sua vizinha após recolher a flor de seu quintal para, em um gesto romântico, entregá-la a sua companheira.

De acordo com a denúncia feita à Polícia Civil, após retirar a flor do quintal da suspeita, a vítima de 18 anos, diz ter sido agredida a socos e golpes de cabo de vassoura pela vizinha, dona do quintal onde estava a flor.

A jovem diz ter saído para passear com seu cachorro e ao ver a flor no jarro decidiu removê-la para entregar à companheira dela. Quando retornava para sua residência foi abordada por sua vizinha portando uma vassoura e lhe questionando sobre o porquê de ter retirado a flor do jarro. A jovem, que diz gostar de flores, afirmou que antes mesmo de responder teria recebido um soco e vários outros golpes.

Ainda de acordo com a jovem agredida, sua companheira teria tentado segurar a suposta agressora, mas foi impedida por uma quarta pessoa que acompanhava a suspeita.

A jovem foi à delegacia e registrou um Termo Circunstanciado de Ocorrência na Central de Flagrantes da Capital. Ela foi encaminhada para fazer um exame de lesão corporal. A suspeita da agressão também foi até a delegacia para prestar depoimento.

 

PB Agora

 

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Prefeito médico filiado ao PSD suspeito de estuprar pacientes é preso

O médico e prefeito de Uruburetama, José Hilson de Paiva foi preso preventivamente por suspeita de abusar de mulheres e filmá-las com câmeras escondidas, sem o consentimento das pacientes. Ele…

Sousa: homem é preso suspeito de abusar de menina de 5 anos

A polícia aprendeu em flagrante ontem (18), um homem, de 50 anos, suspeito de abusar sexualmente de uma menina de 5 anos, na cidade de Sousa, no Sertão paraibano. A…