A Polícia Militar prendeu, na tarde desta quarta-feira (5), um dos suspeitos de integrar a quadrilha que atacou um hipermercado, na madrugada dessa terça-feira (4), no bairro da Liberdade, em Campina Grande. O suspeito, de 25 anos, estava na casa que teria servido como base para o grupo criminoso.

Na residência, que fica no Sítio Marinho, entre as cidades de Campina Grande e Massaranduba, foram encontradas as roupas que aparecem nas imagens do crime, luvas, material explosivo, um carro roubado e uma moto com sinais de adulteração.

A PM chegou até o local por meio de informações que indicavam que o carro usado no crime estava lá, versão confirmada pelo preso, mas o veículo foi retirado horas antes da chegada dos policiais do 2º Batalhão.

O suspeito foi apresentado com o material na Delegacia de Roubos e Furtos, em Campina Grande. A PM continua as buscas pelos outros integrantes da quadrilha.

 

Secom

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Governo emite nota de pesar pelo assassinato do agente penitenciário baleado em JP

A Secretaria de Administração Penitenciária da Paraíba (Seap) divulgou ontem (23), nota de pesar pelo assassinato do agente penitenciário José Derlano Silva Bezerra, de 30 anos. Ele foi morto a…

MPF investiga se coordenador do Samu de JP desviou valores de plantões

Uma denúncia foi instaurada pelo Ministério Público Federal na Paraíba (MPF-PB) para investigar a ocorrência de improbidade administrativa por parte do coordenador de Transporte do Serviço de Atendimento Móvel de…