João Pessoa, 21 de Maio de 2019
Política
16/10/2011 as 14:47min - PB Agora
Eleitorado cresce 26% na Paraíba

Eleitorado cresce 26% na Paraíba em 11 anos

Em 2000, a Paraíba tinha 2.166.188 eleitores. Onze anos depois, o eleitorado chega a 2.736.242.

Em outubro de 2000, a Paraíba tinha 2.166.188 eleitores. Onze anos depois, o eleitorado chega a 2.736.242, o que representa aumento de 26,3%. No período, a capital João Pessoa teve um crescimento de 36,2% - acima da média estadual - e Campina Grande oscilou 22,5%, ficando abaixo. A evolução do eleitorado paraibano consta no levantamento feito junto ao Tribunal Superior Eleitoral.

Na eleição para prefeito de João Pessoa, em 2000, estavam aptos a votar 343.326 eleitores. Hoje, o eleitorado chega a 467.897. Há 11 anos, votaram 296.868 eleitores, provocando uma abstenção de 13,53%. Naquele pleito, Cícero Lucena, então filiado ao PMDB, foi eleito prefeito no primeiro turno, ficando na segunda colocação Luiz Couto (PT).

Já Campina Grande, que tinha 224.415 eleitores, chega a outubro de 2011 com 274.951 pessoas aptas a votar. Em 2000, os campinenses reelegeram Cássio Cunha Lima também pelo PMDB a prefeito, na batalha contra dois fortes candidatos: Enivaldo Ribeiro e Vital do Rego Filho.

O terceiro maior colégio do Estado é Santa Rita. Há 11 anos, o eleitorado pulou de 65.732 para 85.432, o que representa um crescimento de 29,97%. Por sua vez, o número de eleitores de Bayeux cresceu em pouco mais de uma década, partindo de 60.977 até estacionar em 68.378, o equivalente a 12,1%. Em Patos, o TSE registrou uma evolução de 14,5%, saindo de 57.371 e chegando a 65.704.

Em Sousa, o eleitorado foi de 40.625 a 45.982, ou seja, houve um incremento de 13,1%, enquanto em Cajazeiras subiu de 37.221 para 42.340 (13,7%). Já em Guarabira, o crescimento foi de 31,4%, saindo de 28.905 para 38.002. Em Monteiro, o aumento chegou a 39,2%.

 

Com JPB

 

Compartilhe