João Pessoa, 22 de Janeiro de 2018
Política
17/12/2011 as 18:00min - PB Agora
Prefeito de Cajazeiras detona elite política da Paraíba

Prefeito Sertanejo parte para o ataque e coloca aliado de Efraiim, RC, Maranhão e até Santiago na vala comum: “Não boto minha mão no fogo por nenhum”

O prefeito da cidade de Cajazeiras, Carlos Rafael (PTB) partiu para o ataque e rebateu várias críticas do ex-preito Carlos Antonio, do DEM. Além de disparar contra o adversário, Rafael aproveitou para colocar Ricardo Coutinho, José Maranhão e Wilson Santiago em uma vala comum.

Inicialmente Rafaelk disse que o ex-gestor (Carlos Antonio) não tinha moral para cobrar salários atrasados, muito menos cidade limpa, pois o lixo e a falta de pagamento aos servidores foram às marcas deixadas pela gestão passada.

Carlos Rafael não perdeu a oportunidade de alfinetar o governador Ricardo Coutinho, o ex-governador José Maranhão e o ex-senador Wilson Santiago, e disparou: “Não boto minha mão no fogo por nenhum deles porque elas podem queimar e eu não quero minhas mãos queimadas”, disse o prefeito.

O gestor cajazeirense não disse que colocaria a mão no fogo por Vituriano de Abru, mas afirmou que se dar muito bem com o parlamentar. Quanto a Zé Aldemir ele foi muito cauteloso e declarou que o deputado poderia trabalhar mais pela cidade. “Respeito Zé Aldemir como deputado e como pessoa”.

Ele se referiu ao ex-prefeito Léo Abreu como um grande gestor. “Léo honrou muito a administração e sempre teve muito respeito por todos”. Elogiou Rafael.

Perguntado se colocaria a mão no fogo por Carlos Antonio, o prefeito declarou que não tinha coragem de passar nem perto desse fogo, quanto mais botar a mão. “Deus me livre. Tenho amor a minha mão”. Declarou.

 

Clique aqui e ouça o áudio

 

 

Diário do Sertão

Compartilhe