João Pessoa, 23 de Janeiro de 2018
Política
16/07/2017 as 17:30min - PB Agora

O presidente estadual do PSB da Paraíba minimizou a saída de alguns vereadores do PSB de Pombal da legenda e acabou comemorando a ‘debandada’. Rosas disse que o grupo, desde as eleições de 2016, se recusava a obedecer às orientações da sigla e mais criavam problemas que ajudavam.


Em entrevista ao apresentador da TV Correio, Hermes de Luna, Rosas não teve papas na língua e disse que ‘se livrou de um problema’.


“Nós tomamos uma decisão em Pombal, por exemplo, que o PSB de lá deveria votar em Polyana Dutra, e esse grupo seguiu outra orientação, votando no candidato do PSDB. Eles tinham cargos no Estado, nós tiramos, não queremos companheiros que trabalham no Estado votando contra o candidato do governo. Aí eles foram convidados para o PMN, eu desejo sorte, de nossa parte nos livramos de problema", disparou.

O dirigente adiantou que não vai permitir infidelidades dentro do grupo girassol nas eleições de 2018, e que só vai permanecer no PSB quem seguir a cartilha do partido.

"Não queremos companheiros desleais dentro do PSB, quem não quiser seguir leal dentro do partido pode ir arrumando as malas que nós não vamos querer dentro do partido não. Essa é a realidade e esses companheiros de Pombal infelizmente não foram fieis ao partido, o que me resta é desejar sorte a eles daqui pra frente”, disparou.


PB Agora

Compartilhe