Ao fazer uma avaliação dos primeiros 100 dias da gestão do Presidente da República Jair Bolsonaro (PSL), e do governador da Paraíba Joao Azevedo (PSB), o prefeito Romero Rodrigues (PSDB), disse que ainda é cedo para fazer qualquer crítica aos dois gestores.

Para ele, três meses não é tempo suficiente para o presidente e o governador mostrar serviço, o que seria inoportuno fazer esse tipo de análise. Ele destacou que os dois governantes tiveram a chance de apenas apresentar projeto.

– Nenhum teve a possibilidade temporal de fazer absolutamente nada – frisou, em entrevista a Rádio Caturité FM.

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Efraim presidirá Frente que vai atuar no enfrentamento a produtos falsificados no Brasil

O deputado federal Efraim Filho (DEM) foi reconduzido à presidência da Frente Parlamentar em Defesa do Mercado Legal, na Câmara Federal. De acordo com o deputado, a Frente atuará com…

PRESSÃO: vereador passa mal e é levado para hospital antes de ser ouvido

O vereador Antônio Bezerra do Vale Filho, que seria ouvido na manhã desta quarta-feira (26), durante a primeira audiência de instrução e julgamento da Xeque-Mate, passou mal antes mesmo de…