Mais uma parlamentar paraibana comentou a respeito das mensagens trocadas entre o então juiz federal Sérgio Moro, que atualmente ocupa a o ministério da Justiça e o procurador da República Deltan Dallagnol no âmbito da operação Lava Jato.

A deputada estadual Estela Bezerra (PSB) defendeu o afastamento imediato de Moro como prerrogativa essencial para que haja condição de investigação e apuração dos procedimentos da Lava Jato.

"O afastamento de Moro do Ministério da Justiça é essencial para que haja condição de investigação e apuração dos procedimentos fraudulentos adotados na Lava Jato. As conversas reveladas mostram que Moro, Dallagnol e outros promotores desrespeitaram os processos judiciais" defendeu ela.

Ainda de acordo com Estela, as mensagens revelam provas de que Moro teria realizado manobras para incriminar o ex-presidente Lula e consequentemente impedir sua participação nas eleições de 2018. Ela ainda analisa que cabe agora ao STF resgatar o poder judiciário.

"São cabais as provas da grande manobra para incriminar Lula e impedir sua participação nas eleições de 2018. O mais grave é q o Juiz, Mouro e o Procurador, Dallagnol conspiraram juntos suplantaram a ética o direito e as instituições democráticas. Resta ao STF resgatar o judiciário" concluiu.

PB Agora

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Falta vivência profunda sobre direitos humanos”, diz Couto sobre Bolsonaro

Ao comentar a decisão do presidente Jair Bolsonaro que exonerou recentemente, através de Decreto 9.831, publicado no Diário Oficial da União do último dia 10 de junho, todos os peritos…

Clima tenso entre Moacir e Julian pode interferir no apoio do PSL em CG

O clima inda tenso entre o deputado estadual Moacir Rodrigues, do PSL e o deputado federal e presidente estadual do PSL Julian Lemos ainda respalda no discurso do parlamentar federal…