João Pessoa, 22 de Janeiro de 2018
Saúde
07/04/2017 as 15:30min - PB Agora
Agentes de Saúde da PMJP ocupam CMJP e protestam

Agentes comunitários de saúde ocupam a Secretaria Municipal de Saúde de João Pessoa na manhã desta sexta-feira (07). Eles tinham agendado com o secretário Adalberto Fulgêncio uma audiência, mas informaram que ele não poderia atender.

 

Os agentes reclamam da retirada de uma gratificação, prevista em lei, que deixou de ser paga pelo prefeito Luciano Cartaxo (PSD). A categoria ocupou as galerias da Câmara Municipal de João Pessoa, na manhã da última quarta-feira (05), para protestar pelo ato da gestão da Capital e também reivindicam o pagamento mensal do Programa de Melhoria de Atenção Básica (PMAQ).

 

Segundo a categoria, a gratificação foi retirada logo depois que a presidente Dilma sancionou o piso salarial em R$ 1.014. Cartaxo teria retirado a quantia e incorporado ao salário ao invés de somá-la.

 

Conforme os manifestantes, a gratificação retirada por Cartaxo constava na lei do processo seletivo para ingresso na função.

 

Conforme Julio Azevedo, sindicalista que representa a categoria, somando a gratificação e o repasse do PMAQ, os agentes contabilizam uma perda salarial de R$ 350 nos contracheques.

 

Caso o caso não seja solucionado à base do diálogo, os agentes de saúde não descartam paralisar as atividades e até mesmo recorrer judicialmente.

 

Redação

Compartilhe